segunda-feira, 27 de setembro de 2021

Plantando flor de lótus: como começar o processo?

Uma das mais belas criações da Mãe Natureza, saber como plantar uma flor de lótus é considerada como uma flor sagrada entre muitas culturas mundiais, principalmente aquelas que foram influenciadas pelo budismo. 

A planta de lótus também é conhecida por seus valores medicinais e é utilizada em várias preparações herbais. Esta flor versátil está disponível em diversos tons que vão do branco, rosa e vermelho a púrpura e amarelo não convencionais. 

Os tamanhos variam de 2 a 7 centímetros, mas, clique aqui para saber mais sobre outras plantas no site Homeit.com.br. Um símbolo de pureza, beleza, riqueza, fertilidade, graça, conhecimento e majestade, os botões de lótus podem ser apenas as flores que elevam a serena decoração de sua casa para um nível superior. 



Assim, seja um vaso independente em sua entrada ou em um pequeno lago em seu quintal, há uma maneira simples de cultivar lótus a partir das sementes em casa.

Há uma longa lista de instruções que precisam ser seguidas de perto quando se tenta cultivar lótus em casa. Aqui está uma planta que é avessa a invernos frios e desfruta da luz do sol. Com um processo de germinação duradouro e procedimentos técnicos de plantio, torna-se importante que as plantas de lótus sejam totalmente cuidadas. 

É importante entender melhor sobre o cultivo da Moringa Olífera também!

Aqui está um guia passo a passo sobre como você pode cultivar lindas lótus com sucesso em seu próprio jardim!

Primeiro passo: sementes de qualidade

O primeiro passo para ter uma floração de lótus lustrosa em seu lago de quintal é obter sementes de boa qualidade para o mesmo. Localize a extremidade pontiaguda das sementes e limpe-as até que uma única camada seja deixada nas sementes. 

Um limpador de metal normal pode ser usado para o procedimento. Se for ignorado, este processo pode atrapalhar a obtenção de flores saudáveis em um futuro próximo ou resultar em nenhuma flor.

Colocando em um copo d’água

As sementes preparadas e bem emergidas precisam então ser colocadas em um copo de água morna não clorada. Em certos casos, algumas sementes sobem até o nível superficial da água. 

Estas podem ser colhidas e podem ser facilmente removidas, pois são estéreis. As sementes precisam ser mantidas em água por até duas semanas. 

Entretanto, a água precisa ser trocada todos os dias até que as sementes comecem a brotar. Observa-se que após o primeiro dia de molho, as sementes incham até quase o dobro do tamanho original. As sementes que não incham também precisam ser eliminadas da tigela, pois não servem a nenhum propósito.

Aparecimento das folhas

Após uma semana ou duas, as folhas começam a aparecer. A água precisa ser trocada todos os dias, mesmo depois que estas sementes brotam e ainda mais delicadamente do que antes. Somente depois de pelo menos três folhas aparecerem na semente ou a muda crescer até 6 centímetros de comprimento é que estas sementes devem ser removidas da água. Isto pode demorar entre 4 a 5 dias.

 

Dentro de uma ou duas semanas, você deve observar o surgimento das raízes de lótus. Uma vez que isso aconteça, está pronto o processo para plantá-las em vasos desejados, com a argila de boa qualidade coberta com uma camada de água. Plante uma semente em um vaso cada um, cobrindo as raízes da semente germinada ligeiramente sob o solo. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário